quarta-feira, 21 de setembro de 2011

DEEP PURPLE - Burn - 1974

Responda rápido: as saídas de Ian Gillan e Roger Glover do Deep Purple na época foram benéficas sim ou não? Bombástica e polêmicamente eu digo que sim! Se levarmos em consideração o discaço que é BURN, e as substituições feitas, senhoras e senhores estamos diante de um clássico do hard/heavy divisor de águas e formador de opiniões. É sim um dos melhores álbuns do Deep Purple e de longe o melhor da fase MKIII! O poder de fogo mostrado na faixa titulo diz tudo...como esses caras fizeram uma música teoricamente dificil de se executar ainda mais naquela época arcaica instrumentalmente falando? E mais, o álbum se arrasta mantendo o mesmo padrão de qualidade e o revezamento quase imperceptível dos vocais de Coverdale e Hughes, essa parceria foi uma das mais geniais que ja pude ouvir! Pecado é fazer destaque pra estes sons, mas vale dar a dica de que existe uma versão de lançamento de aniversário(nossa) onde temos um bônus de 4 faixas do disco remixadas, o play foi lançado em 2004 neste formato e vale demais a pena tê-lo. Voltando a musicalidade, Blackmore usa e abusa de sua maestria com harmonias cativantes e sincrônioa com os teclados do nosso querido maestro John Lord. Eu, e tenho certeza de que vocês também acham este album muito curto, deveria ter umas 14 músicas pelo menos, e você que ainda não conhece Purple ou não ouviu este disco, baixe aqui mesmo e entenda #whatafuckingaboutthis!!! See ya! CRÁSSICO, CRÁSSICO, FODÁAASTICO!!!

Melhor musica: Burn (claaaro)
Pior musica: A 200
Nota: 9

Line Up:

David Coverdale: vocals
Glenn Hughes: bass and vocals
Ritchie Blackmore: Guitars
John Lord: keyboards
Ian Pace: drums